quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

ÉTICA, PESSOA E SOCIEDADE



O termo ética com o qual indicamos a reflexão ou o saber sobre o “ETHOS”, tem origem grega. Aristóteles que o introduziu na filosofia ocidental, julgava desnecessário demonstrar a existência do “ethos”. Acreditando ele que ela é evidente. O ser se manifesta não apenas na natureza, mas e principalmente na ação e na práxis humana: no ethos - hábitos, costumes, instituições - produzidos pela sociedade.
A liberdade não é meramente subjetiva. Toda pessoa humana busca sua felicidade.
O exercício de qualquer profissão ou serviço na sociedade submete-se as normas éticas. A falta de formação ética de muitos profissionais e prestadores de serviço a sociedade é responsável por desvios da própria sociedade.Sem a ética não é possível a busca do bem comum,tão necessária e fundamental nos dias de hoje.

ÉTICA NA POLITICA

A vida política deve reencontrar sua dignidade na edificação da cidade humana, onde todos têm oportunidade de realização pessoal e de comunhão solidária. No entanto a afirmação e o respeito para com os políticos passam necessariamente por uma práxis responsável nuca sendo aceito que se desvie do caminho da ética.
Quando um vereador eleito com um programa de oposição é cooptado pelos que se ocupam do poder, com certeza a ética ficou pelo caminho.
Um determinado vereador de uma agremiação que na campanha eleitoral apresentou um projeto de governança oposto ao seu adversário e com este projeto foi eleito em nome da ética jamais poderia mudar de lado, caso o faça traiu seus eleitores e mesmo aqueles que o apoiaram.
Portanto a recuperação da política tão necessária para a organização da sociedade passa pela moralização dos políticos como verdadeiros “homens de Estado” e não “negociadores do poder” enredados em jogadas pessoais.
Os serviços públicos, para serem éticos, devem ser acessíveis, eficientes, com critérios humanos, com sensibilidade social. O parasitismo,a indolencia,o mau atendimento aos usuários,a irritante morosidade ,a perseguição aos contrários  da administração dirigente, os descasos com os doentes e a falta de acessibilidade aos portadores de necessidades especiais....desafiam uma educação para o senso do  serviço a população que se encontra abandonada na periferia desta estância de São Roque.

MAESTRO GUARANI

Nenhum comentário:

Postar um comentário