quinta-feira, 30 de outubro de 2014

21 pessoas são detidas por tráfico e roubo

Entre os detidos, estão dois homens que comandavam a organização criminosa


Giuliano Bonamim
giuliano.bonamim@jcruzeiro.com.br


A Polícia Civil desarticulou uma organização criminosa envolvida com tráfico de entorpecentes, homicídio, extorsão e roubo em Mairinque, Barueri e Carapicuíba. Foram detidas 73 pessoas durante um ano de investigação da chamada operação Monjolo, finalizada ontem com a prisão de 21 indivíduos. Entre eles estão José Marcolino Nascimento, conhecido como Pezão, e Jordy Silva de Assis, considerados os líderes da quadrilha.

O cumprimento dos mandados de prisão expedidos pela justiça envolveu cerca de 150 policiais civis. A ação teve início às 4h30 e foi encerrada com a elaboração dos boletins de ocorrência na Delegacia de Mairinque. Entre as 21 detenções, sete delas ocorreram em flagrante por porte de arma e tráfico de entorpecentes.

Segundo o delegado seccional de Sorocaba, Marcelo Carriel, os 73 presos na operação Monjolo não formavam uma só quadrilha. "Mas eram interligados entre si e tinham atividades criminosas compartilhadas", conta.

A delegada de Mairinque, Fernanda Ueda, ressaltou que os integrantes dessa organização criminosa também recrutavam menores de idade para a venda de entorpecentes. "Eles usavam mais de 20 adolescentes para revender e, por isso, a quadrilha pode chegar a mais de 100 integrantes", diz.

Na opinião de Fernanda, a ação da Polícia Civil foi um duro golpe no crime organizado. "Porque eles comandavam os principais pontos de drogas de Mairinque", ressalta.

A sede da delegacia de Mairinque ficou lotada de policiais, entre civis e militares. As ruas ao redor do prédio foram cercadas por viaturas, mas o trânsito não foi fechado. O entra e sai de pessoas detidas também foi intenso durante toda a manhã. 

No local foi apresentado um organograma com as ramificações da organização criminosa. Pezão, um dos líderes, foi preso em Barueri. O outro, Jordy, acabou detido em Carapicuíba. Uma terceira pessoa, também apontada como referência na quadrilha, é Alcimar Antônio de Lima, conhecido como Paraíba ou Ceará. Ele já estava preso acusado de homicídio.

Com os 21 detidos foram apreendidos notas de dinheiro em real e dólar, projéteis, armas, uma balança de medição, entorpecentes e telefones celulares.

A investigação da Polícia Civil continua. Existe um inquérito em Mairinque e há a possibilidade de identificar outros responsáveis ou integrantes da quadrilha.

RodapéNews - Edição de 30 de outubro de 2014

Outlook.com Exibição Ativa
Rogério Correia denuncia golpe da Veja e defende a regulação dos meios de comunicação
Durante o plenário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, no dia 28 de outubro de 2014, terça-feira, o deputado estadual Rogério Correia (PT) denunciou o golpe da revista Veja às vésperas das…
00:02:40
Adicionado em 28/10/2014
1.900 exibições

DEMOCRATIZAÇÃO DA MÍDIA ERA PRA ONTEM 

ALI KAMEL, DIRETOR EXECUTIVO DA GLOBO,  CRITICA FOLHA E COLUNISTA DO JORNAL QUE ACUSOU GLOBO DE "AMARELAR" NO GOLPE MIDIÁTICO CONTRA DILMA
Carta Capital
Caso Youssef indispõe Folha e Globo
Diretor da Globo, Ali Kamel afirma que emissora não conseguiu confirmar denúncias de "Veja" e classifica reportagem da "Folha" como "distorcida"
A reportagem publicada pela revista Veja na quinta-feira 23, na qual constava a acusação de que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a presidenta reeleita Dilma Rousseff (PT) sabiam do esquema de corrupção na Petrobras, provocou uma indisposição entre a Folha de S.Paulo e a TV Globo.
No domingo 26, o colunista Nelson de Sá publicou na Folha uma análise sobre o comportamento da emissora na qual destaca o fato de a Globo não ter repercutido a capa de Veja no dia seguinte à publicação da reportagem, a sexta-feira 24. O colunista lembra que a capa da revista Veja só apareceu no Jornal Nacional, o carro-chefe do jornalismo global, após o protesto da União da Juventude Socialista (UJS), entidade ligada ao PCdoB, em frente ao prédio da editora Abril, em São Paulo. O JN deu a notícia no contexto de que as pichações na sede da editora que publica Veja consistiam ataque à liberdade de imprensa. Para a Sá, o fato de a Globo não ter repercutido a capa de Veja e não ter colocado em seus programas jornalísticos o conteúdo do último debate entre Aécio Neves (PSDB) e Dilma Rousseff (PT) seria uma indicação de que a Globo estava com "medo"

Folha - Painel do Leitor - 27/10/2014
Diretor da Globo critica análise de Nelson de Sá
Nelson de Sá, em sua "análise" intitulada Globo toca no assunto apenas no sábado, talvez por medo, mostra do que é capaz um jornalista movido por preconceitos. A Globo não tem medo de nada. Não faz política, faz jornalismo. A própria Folha reconheceu isso, por meio de outros articulistas, ao elogiar as entrevistas que a emissora fez com todos os candidatos: pelo equilíbrio e consistência delas e porque as perguntas eram as que tinham de ser feitas, sem que os entrevistadores deixassem que os candidatos tergiversassem. A Globo segue seus princípios editoriais disponíveis para leitura em todos os seus sites. No capítulo da isenção, letra "Z", diz claramente que só repercute denúncias de outros veículos se puder confirmá-las por meios próprios. Ou se outros fatos de grande impacto advierem delas. Foi o que aconteceu. Na sexta, não confirmou com suas fontes o sentido do que fora publicado por "Veja". E, por isso, não publicou o assunto. Da mesma forma, não confirmou a manchete da Folha de sábado, porque nossas fontes a classificaram de distorcida. Mas o ataque ao prédio da Editora Abril, um ataque à liberdade de imprensa, não poderia ser ignorado. E ao ser noticiado, era preciso explicar que ele fora motivado por uma reportagem, sem endossá-la. Isso foi feito em matéria equilibrada, como regem os nossos princípios. Ao confundir equilíbrio com medo, Nelson de Sá talvez se valha da própria experiência nos jornais em que trabalha ou trabalhou. Ou, quem sabe, ele confunda irresponsabilidade com desassombro. A Globo não se pauta pelo que acham dela. Mas pelos princípios do bom jornalismo.
ALI KAMEL, diretor de jornalismo e esporte da TV Globo - RIO DE JANEIRO, RJ

DEPUTADO ESTADUAL ROGÉRIO CORREIA (PT-MG) DENUNCIA GOLPE MIDIÁTICO DE VEJA E DIZ QUE AÉCIO COMPROU INSTITUTO SENSUS PARA FAZER PESQUISAS FALSAS
Youtube
Rogério Correia denuncia Veja Bandida e pede a regulação dos meios de comunicação
Duração: 2m39s

PÓS-ELEIÇÃO

SENADOR ALOYSIO NUNES (PSDB-SP),  PITBULL TUCANO E VISIVELMENTE TRANSTORNADO PELA DERROTA, RECUSA DIÁLOGO PROPOSTO DILMA 

NESTA ENTREVISTA AO ZERO HORA, UMA SEMANA ANTES DO 2º TURNO, ALOYSIO TINHA A CERTEZA DA VITÓRIA DO PSDB

Zero Hora - 20/10/2014 - Segunda-feira - Uma semana antes do 2º turno
"PT está no rumo de derrota acachapante", diz Aloysio Nunes, vice de Aécio
Ex-ministro concorre ao segundo posto político mais importante do país

Quais as razões para esta convicção? 
  1. Aloysio tinha conhecimento prévio da "bala de prata" de Veja na 5ª, explorada pelo PSDB de Norte a Sul do País, mostrando uma sintonia do partido com a revista e que determinante para a vitória de Aécio? 
  2. Aloysio queria criar um clima emocional do "já ganhou" provocando a migração dos votos dos indecisos para Aécio;
  3. Aloysio Nunes e Fundação Cobra Coral desenvolveram um processo de mentalização coletiva que provocaria uma "chuva de votos" em Aécio, com o eleitor mudando seu voto em cima da hora como aconteceu com José Sarney que, embora adesivado com o 13, apertou o 45;
  4. Conhecimento de pesquisas internas, que embora sabidamente falsas, indicavam a vitória de Aécio por grande diferença de votos;
  5. Nenhuma das alternativas anteriores.
ACUSAÇÕES DE ALOYSIO SÃO REBATIDAS PELO SENADOR HUMBERTO COSTA (PSDB-PE)
Jornal da Globo - 29/10/2014
Aloysio Nunes Ferreira diz que não aceita proposta de diálogo de Dilma
Na tribuna, o senador falou sobre a necessidade de se investigar a corrupção e reclamou dos ataques sofridos dentro das redes sociais

TESTEMUNHA DA SIEMENS CITOU VÁRIOS TUCANOS DE ALTA PLUMAGEM, ENTRE OS QUAIS ALOYSIO NUNES, SUSPEITOS DE INTEGRARAM O CARTEL DE CORRUPÇÃO DE TRENS EM SP E DE SE BENEFICIAREM DO CAIXA 2 MONTADO PELA MULTINACIONAL ALEMÃ
Estadão - 21/11/2013
Ex-diretor da Siemens aponta caixa 2 de PSDB e DEM e cita propina a deputados
Em relatório entregue no dia 17 de abril ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), o ex-diretor da Siemens Everton Rheinheimer afirma dispor de "documentos que provam a existência de um forte esquema de corrupção no Estado de São Paulo durante os governos (Mário) Covas, (Geraldo) Alckmin e (José) Serra, e que tinha como objetivo principal o abastecimento do caixa 2 do PSDB e do DEM".
O documento faz menção ao senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), e aos secretários estaduais José Aníbal (Energia), Jurandir Fernandes (Transportes Metropolitanos) e Rodrigo Garcia (Desenvolvimento Econômico)

EXPLICAÇÕES DO PSDB PARA A DERROTA SURPREENDEM PELA FALTA DE SENSO CRÍTICO
Folha - 30/10/2014
Arrogância na derrota - por Rogério Gentile
SÃO PAULO - Após uma eleição esquizofrênica em que o governo o tempo todo prometeu mudanças ("mais mudanças") e a oposição ficou repetindo que ia manter isso ou aquilo, as explicações do PSDB para a derrota de domingo surpreendem pela falta de senso crítico.
Os tucanos até agora formularam duas grandes justificativas complementares. A primeira, expressa por FHC, atribui o resultado ao tom agressivo da campanha de Dilma, como se isso tivesse sido uma prerrogativa do PT. Não foi, obviamente.
O PSDB também bateu duro nos adversários. A diferença é que Aécio, embora político com muito mais traquejo do que Dilma, caiu na armadilha presidencial. A petista atacava o tucano no debate da Bandeirantes, citava seus familiares, quando o ex-governador levantou o dedo e lascou um "leviana", achando que poderia repetir com a presidente a mesma virulência que usara no primeiro turno com Luciana Genro. Não podia.
Muito bem explorado pelo PT e por Lula nos palanques, o adjetivo voltou-se contra Aécio como um bumerangue. O candidato, que estava numericamente à frente de Dilma nas pesquisas, começou a perder apoio de parte do eleitorado, sobretudo o feminino, o que lhe foi fatal.
A segunda explicação do PSDB para a derrota beira a arrogância, a mesma que motivou tucanos, duas semanas antes da eleição, a tratarem da montagem do eventual governo Aécio como se a vitória fosse apenas uma questão de tempo. Não era.
Desde domingo, aliados de Aécio reclamam que "Minas falhou com um grande estadista" e que os "mineiros não quiseram ter um presidente na linha de JK". O PSDB, que esperava obter 2 milhões de votos a mais do que Dilma no Estado, perdeu em 608 das 835 cidades, em várias delas por mais de 80% dos votos.
Ou seja, para os tucanos, a derrota não foi motivada por erros do candidato ou do partido, tampouco ocorreu por mérito da adversária. A culpa, ora bolas, é do eleitor.

AÉCIO SE COLOCA COMO GRANDE LÍDER DA OPOSIÇÃO E SE LANÇA COMO PRÉ-CANDIDATO PARA 2018
Folha - 30/10/2014
Vídeo - Aécio volta à cena e se coloca como líder da oposição
Depois de um pronunciamento tímido minutos após ser oficialmente informado de sua derrota, o candidato do PSDB ao Planalto, Aécio Neves, publicou um vídeo (assista abaixo) nas redes sociais em que agradece os votos que recebeu.
Na mensagem, o tucano diz que vai fiscalizar o governo eleito e que a "força" que adquiriu na disputa é "que vai levar o Brasil à verdadeira mudança".
A fala foi interpretada por aliados como uma forma de Aécio se colocar como protagonista da oposição ao governo Dilma Rousseff (PT) e, principalmente, marcar posição no debate interno sobre a disputa ao Planalto em 2018

"VEJA BANDIDA" E GOLPE MIDIÁTICO
Viomundo
CartaCapital: Depoimento de doleiro foi “retificado” antes de acabar em revista; “Veja bandida” tentou golpe, diz deputado

VOTOS SURRUPIADOS EM SP
CA
Como a Veja surrupiou  oito pontos da Dilma em SP
O Jornal Nacional conferiu veracidade ao que o eleitor tinha visto nas redes sociais

CAMPANHA DE AÉCIO USOU PESQUISA FALSA DO INSTITUTO VERITÁ
Folha - 30/10/2014
Campanha de Aécio usou pesquisa com dados enganosos
Levantamento do instituto Veritá na reta final mostrou o tucano 14 pontos à frente de Dilma em Minas Gerais
Informações de uma pesquisa de intenção de voto do instituto Veritá usadas na propaganda de segundo turno do tucano Aécio Neves são comprovadamente enganosas.
Quem confirma é o próprio dono do instituto que fez o levantamento, Adriano Silvoni. E também o estatístico responsável pelas pesquisas do Veritá, Leonard de Assis

ALÉM DE AÉCIO, LULA E MARINA SÃO POTENCIAIS CANDIDATOS EM 2018
Estadão - 30/12/2014
Redes sociais dão a largada para a eleição de 2018

JOSÉ SARNEY, ADESIVADO COM O 13, FOI DE 45
iG
Imagens aproximadas mostram que o senador apertou os números 4 e 5, mesmo com adesivos da presidente Dilma
Um vídeo da TV Amapá que circula nas redes sociais mostra que o senador José Sarney (PMDB-AP), teria votado no candidato Aécio Neves (PSDB) no segundo turno da disputa presidencial mais disputada da história.
Imagens aproximadas mostram que o senador apertou os números 4 e 5, mesmo trajando um terno com adesivos da candidata do PT, Dilma Rousseff

DESAPARELHAMENTO DO MINISTÉRIO DO ESPORTE JÁ E APROVAÇÃO DA LEI DE RESPONSABILIDADE DO ESPORTE SEM CONCESSÕES ESPÚRIAS
Folha - 30/12/2014
Mudar de fato - por Juca Kfouri
Para mudar de fato, mas de fato mesmo, a presidenta reeleita terá de fazer rupturas, sem conciliar ou fechar os olhos ao atraso estarrecedor da cartolagem predatória, corrupta e corruptora que nos assola desde o século passado.
A começar pelo desaparelhamento do Ministério do Esporte que pouco avançou nesses 12 anos, embora pudesse ter avançado muito mais.
Entidades jovens que reúnem o que há de melhor no esporte brasileiro, como os Atletas pelo Brasil e o Bom Senso F.C., precisam ser atendidas em suas reivindicações para, enfim, introduzir o Brasil no mundo esportivo moderno, sem o que marcaremos passo mais quatro anos.
O primeiro passo pode ser dado já, ainda no fim da primeira gestão dilmista: não aprovar a lei da responsabilidade do esporte com contrabandos ou concessões espúrias.
Vai, presidenta!

DESCOBERTO UM DOS GRANDES BOATEIROS DAS ELEIÇÕES: ROMEU TUMA JÚNIOR
Mosaico Político
Secretário de Justiça de Lula foi multiplicador de ataques ao PT
O ex-delegado Romeu Tuma Júnior – que, em livro, acusou o governo petista de cometer “assassinatos de reputação” – foi, na avaliação de especialistas, um grande multiplicador de notícias contrárias, insinuações e informações equivocadas contra a campanha do PT, às vésperas do segundo turno

FALTA D'ÁGUA EM SP

OMISSO E NEGLIGENTE PARA MINORAR EFEITOS DA CRISE HÍDRICA, ALCKMIN PEDE AJUDA, APENAS AGORA, AO GOVERNO FEDERAL
Estadão - 30/12/2014
Alckmin pede ajuda a Dilma contra crise hídrica e quer zerar imposto da Sabesp
Entre as propostas defendidas pelo governador estão a desoneração do setor de saneamento e uso prioritário
da Bacia do Rio Paraíba do Sul para abastecimento humano; ele ainda retomou crítica à liberação de água da Jaguari para usina

CPI SABESP QUER SABER QUE PRESSIONOU PRESIDENTE DA EMPRESA E CRECHES INFANTIS NA CIDADE DE SÃO PAULO SÃO AFETADAS PELA FALTA D'ÁGUA
Estadão - 30/10/2014
  • CPI pressiona presidente da Sabesp
Câmara Municipal e Assembleia Legislativa pedem que Dilma Pena revele quem a orientou a não informar a população sobre a crise
  • Falta de água afetas creches infantis de SP
Unidades tiveram de dispensar alunos, comprar galões e até mesmo contratar caminhões-pipa

Uol
CPI quer saber quem barrou alertas da Sabesp sobre crise em SP
A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) vai pedir para que a presidente da companhia, Dilma Pena, informe quem foi o superior que a orientou a não informar à população sobre a crise hídrica em São Paulo e também para que o Ministério Público Estadual (MPE) investigue a dirigente por prevaricação e improbidade administrativa.
O primeiro pedido foi feito pelo vereador Laércio Benko (PHS), presidente da comissão. Já o ofício à Promotoria será encaminhado pelo relator da CPI, Nelo Rodolfo (PMDB)

FALTA D'ÁGUA É DECORRENTE DE "MANOBRAS NOTURNAS DE PRESSÃO", INFORMA SABESP
Agora 
Instituto aponta 180 áreas com risco de falta de água
O Idec (Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor) divulgou o mapeamento de 180 pontos da capital e da Grande São Paulo onde há mais risco de falta de água por causa de manobras noturnas na pressão, realizadas nos últimos meses pela Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo) para minimizar a crise de abastecimento.
Segundo o instituto, os dados foram pedidos à Sabesp por meio da Lei de Acesso à Informação.
O Idec diz ainda que, como a empresa não cumpriu o prazo para a entrega das informações, acionou o Ministério Público e o Procon. Na sexta-feira, o mapeamento foi entregue

NO LUGAR DA ÁGUA SURGE O PASTO NA REPRESA GUARAPIRANGA, JÁ COMPROMETIDA PELA POLUIÇÃO E DESMATAMENTO
Bom Dia, SP - 29/10/2014
Especialista explica a situação atual dos sistemas Billings e de Guarapiranga

CALAMIDADE PÚBLICA EM ITU (SP) PODE OCORRER EM OUTRAS CIDADES
Bom Dia, Brasil - 30/10/2014
Vídeo - Defesa Civil faz operação de guerra contra falta d'água em Itu (SP)

TURISMO PREJUDICADO NO CIRCUITO DAS ÁGUAS EM SP (SERRA NEGRA, SOCORRO, ÁGUAS DE LINDOIA, ...)
Bom Dia, Brasil - 30/10/2014
Seca limita os passeios do Circuito das Águas (SP)

OUTRAS NOTÍCIAS DE SP

CONSTRUÇÃO DA LINHA 4 AMARELA, DO METRÔ, TEM IRREGULARIDADES

CONSTRUTORA ISOLUX-CORSAN, EMPRESA RESPONSÁVEL PELA CONSTRUÇÃO DA LINHA 4 - AMARELA, DO METRÔ, ENFRENTA PROBLEMAS FINANCEIROS 
G1 / SPTV
Energia é cortada em obra da Linha 4 do Metrô por falta de pagamento
Conta de luz ficou 3 meses sem pagamento na Estação Oscar Freire.
Valor da dívida era de R$ 7.096,00; de tarde, a luz foi religada
A empresa que está devendo é a Isolux-Corsan, que foi contratada pelo Metrô para fazer as obras das cinco estações que ainda não foram entregues da Linha 4-Amarela. O valor do contrato das obras é de R$ 386.254.033,00

CRIME AMBIENTAL PRATICADO PELO METRÔ
G1 / Bom Dia, SP
MP investiga aterro que recebe terra de obras da Linha 4 do Metrô
Inspeção encontrou despejo de terra em área de preservação ambiental.
Vizinho da área disse que sofre com deslizamentos há três anos

ACHAQUES A COMERCIANTES DECORRENTES DA 'CPI DOS ALVARÁS" NA CIDADE DE SÃO PAULO

FISCAIS QUE ATUAVAM NA CPI, LIGADOS AOS VEREADORES EDUARDO TUMA (PSDB) E ADILSON AMADEU (PTB), SÃO ALVO DE INVESTIGAÇÃO
Estadão
Promotoria ouvirá dono de bar sobre achaque
Alvo inicial das investigações serão fiscais; CPI foi prorrogada sem aval do plenário

VEREADORES TUMA E AMADEU NEGAM PARTICIPAÇÃO NO ESQUEMA DE ACHAQUES
Bom Dia, SP - 30/10/2014
Vídeo - Vereador fala sobre denúncia de esquema de corrupção em CPI dos Alvarás

USO DE BALA DE BORRACHA PELA POLÍCIA MILITAR (PM) DE SP CONTRA MANIFESTANTES

VETADA JUDICIALMENTE, PM VAI RECORRER DA DECISÃO
Estadão
Juiz veta uso de bala de borracha em ato
Magistrado dá 30 dias para a PM apresentar plano de ação para atuar em protestos só com munição química; corporação vai recorrer

RELIGIÃO

PAPA NOMEIA BISPO PROGRESSISTA PARA SANTO AMARO, BAIRRO DA ZONA SUL DE SÃO PAULO, REDUTO DA RENOVAÇÃO CARISMÁTICA
Estadão - 30/10/2014
Papa nomeia novo bispo para Santo Amaro
SÃO PAULO - O papa Francisco nomeou nesta quarta-feira, 29, o bispo de Blumenau (SC), d. José Negri, como coadjutor da Diocese de Santo Amaro, zona sul de São Paulo. Isso significa que será o sucessor de d. Fernando Figueiredo - que completa 75 anos em 1.º de dezembro e, portanto, deve renunciar e tornar-se bispo emérito.
Considerado progressista - e com intensa atuação pastoral -, d. José terá pela frente uma diocese em que se destaca o famoso padre Marcelo Rossi, ligado ao movimento da Renovação Carismática Católica (RCC) - fortemente espiritualizado e de linha conservadora

INTERNACIONAL

ERROS DOS EUA NO VIETNÃ PODEM SER REPETIR COM ESTADO ISLÂMICO
Estadão - 30/10/2014
Os erros no Vietnã e o risco de repeti-los com o Estado Islâmico - por Thomas L. Friedman
Sírios e iraquianos que se submetem aos jihadistas fazem isso para evitar opressão xiita

ESPORTES

MELHORES MOMENTOS


Mairinque:Cerimônia das Velas será sábado, às 19h


Jornal Cruzeiro do Sul
A tradicional Cerimônia das Velas de 2014 será realizada no próximo sábado, dia 1º de novembro, Dia de Todos os Santos, a partir das 19h, no cemitério municipal de Mairinque. Este ano, 16 mil velas iluminarão a 16ª edição do evento. São esperadas para a cerimônia religiosa aproximadamente dez mil pessoas nesta que é a única cerimônia do tipo em toda a região. 

Funcionários e voluntários do cemitério acenderão todas as velas que estarão espalhadas pelas ruas do local. 

Missa e procissão 

A missa será celebrada às 20h, logo depois da procissão conduzida pelo pároco local pelas ruas do cemitério. Após a celebração, acontecerão mais seis atos religiosos incluindo visitação à Capela Nossa Senhora do Carmo e à Capela de São Benedito. 

O cemitério fica localizado na rua Roberto Hoff, 68, no centro de Mairinque. 

Após a cerimônia, uma equipe da empresa que realiza a coleta do lixo da cidade fará a limpeza do cemitério para que as pessoas possam visitar os túmulos de seus entes queridos no Dia de Finados. Às 9h do dia 2 haverá uma missa no cemitério e as visitas seguirão até as 17h.

Entidade que atende crianças em situação de risco necessita de ajuda financeira

O local funciona desde maio e, de lá pra cá, dezesseis crianças passaram pela ONG


Anderson Oliveira
anderson.oliveira@jcruzeiro.com.br 


A realização do sonho de criança da paulistana Isabel Galvão Simon tem sido a concretização do sonho de crianças sorocabanas de encontrar um lar seguro. A vontade dela era criar uma ONG que ajudasse, de alguma maneira, nos cuidados com o público infantil. Foi apenas nesse ano, contudo, que ela conseguiu. O resultado é o Lar Casa Bela, com 10 crianças abrigadas - acolhidas de situação de risco -, e outras seis crianças, que, agora, contam com um novo lar ou mesmo a reestruturação de suas famílias. Apesar das boas notícias, por ser uma instituição nova, o Lar ainda vive dos recursos de sua criadora. 

De acordo com Isabel, existem 178 crianças acolhidas em abrigos enquanto esperam pelo resultado do processo judicial que decidirá se elas voltarão para a família ou serão encaminhadas para a adoção. Apenas sete entidades, no entanto, abrigam esses menores. Outras 130 crianças aguardam por um abrigo semelhante. É para tentar minimizar esse problema que ela decidiu investir nessa ideia. 

"Desde criança eu tinha esse projeto em mente. Trabalhei por 13 anos no mercado financeiro para um dia ser voluntária no meu próprio lar", explica Isabel, que preside a instituição. Ela ressalta que tinha dúvidas entre abrir uma casa de apoio a crianças com câncer infantil ou um abrigo. Ainda nesse tempo pensava em executar esse projeto em São Paulo. Durante um dos trabalhos voluntários, contudo, conheceu seu marido, de Sorocaba, motivo que culminou na opção por Sorocaba. 

"Atendemos, hoje, 10 crianças. E esse número não vai aumentar, porque nossa meta é atender com qualidade essas 10", conta a presidente do Lar, explicando que a maioria é de filhos de pais usuários de drogas e de vítimas de violência doméstica. A primeira criança do Lar Casa Bela chegou em 13 de maio deste ano. De lá para cá, 16 crianças foram acolhidas. Uma voltou para a família e outras cinco encontraram uma nova família. "Uma tinha seis anos, difícil de ser adotada, porque já é considerada adoção tardia", comenta. 

Faltam recursos 

Sem contar com veículo e com o repasse de verbas da Prefeitura de Sorocaba, o Lar Casa Bela ainda é mantido com os recursos que Isabel Simon acumulou ao longo da carreira. Atualmente, a instituição gasta pouco mais de R$ 31 mil por mês. "É bem difícil a parte financeira, principalmente, com a folha de pagamento e o aluguel. A gente ainda gasta mais do que recebe." De acordo com ela, o convênio com a Prefeitura só pode ocorrer a partir de um ano abrigando as crianças. 

Para conseguir recursos e voluntários, sem ter nenhum contato na cidade, a presidente do Lar Casa Bela explica que foi preciso bater na porta de cada empresa, o que deu resultado. "Encontrei algumas empresas que acabaram ajudando." E acrescenta: "Mas já vendi até pastel no Ceagesp para poder reverter para a casa." 

Além da necessidade de ir em busca de novos parceiros, foi preciso um pouco de sorte também para agregar voluntários, ela conta. "Foi passeando com os meus cachorros, na praça, conheci uma voluntária que tinha cachorro, que conhecia uma amiga, que também trouxe parentes", detalha Isabel, que afirma ter 15 voluntários fiéis hoje. 

Ajuda 

"As pessoas que acreditarem na gente, tiverem confiança e quiserem ajudar, apadrinhando uma criança financeiramente, mandamos boleto no valor que a pessoa quiser. Tem prestação de contas de tudo", destaca Isabel Simon. Segundo ela, a instituição procura divulgar, em sua página no Facebook (facebook.com/LarCasaBela), o que está precisando. "Às vezes, material para o refeitório, fraldas, leite. E a gente gasta muito com remédio também", conclui. 

O contato com o Lar Casa Bela deve ser feito pelo e-mail contato@larcasabela.org.br. O endereço eletrônico da instituição é o www.larcasabela.org.br.

Indústrias da região de Sorocaba fecham 1.200 postos de trabalho

Dados divulgados pelo Ciesp são referentes ao mês de setembro.

“Devemos entender a pesquisa como um sinal de alerta", garante diretoria.

Do G1 Sorocaba e Jundiaí
Sorocaba é vista do alto e de ângulos diferentes (Foto: Anderson Cerejo/TV TEM)Sorocaba é vista do alto e de ângulos diferentes (Foto: Anderson Cerejo/TV TEM)
O nível de emprego industrial na região de Sorocaba (SP) apresentou uma baixa de aproximadamente 1.200 postos de trabalho somente no mês de setembro, o que corresponde a uma variação de -0,96%. O dado foi divulgado nesta terça-feira (28) pela diretoria central do Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp), em Sorocaba, que realizou uma pesquisa nos 48 municípios que integram a região.
A variação também é baixa em relação ao mês de setembro de 2013, que foi de 0,99% e ao mesmo mês de 2012, que foi de 0,74%. Na comparação a agosto de 2014, a variação de setembro também ficou negativa, com uma diminuição de 900 postos de trabalho, uma variação de -0,72%.
De acordo com o vice-diretor do Ciesp Sorocaba, Erly Domingues de Syllos, o resultado negativo reflete o momento econômico do setor automobilístico e metal-mecânico. “Devemos entender a pesquisa como um sinal de alerta. Temos um saldo negativo no acumulado do ano, que é de -0,90%, representando uma queda de aproximadamente 1.100 postos de trabalho em relação ao ano anterior, e de -2,23% nos últimos 12 meses, o que representa uma queda de aproximadamente 2.800 postos de trabalho", explica.Ainda segundo a pesquisa do Ciesp, no mês de setembro deste ano, a baixa no índice do nível de emprego industrial foi influenciado pelos setores de metalurgia (-6,14%); produtos têxteis (-5,22%); produtos de borracha e de material plástico (-4,15%) e máquinas e equipamentos (-1,30%).
Além disso, segundo Syllos, se compararmos os meses de setembro de 2013 e setembro de 2014, o cenário também não é positivo. "Pois em setembro de 2013, o resultado foi praticamente estável em 0,99%”, finaliza o vice-diretor do Ciesp Sorocaba.
Resultado estadual
Em todo o estado de São Paulo a variação foi negativa de -0,24% e de  -0,90% no interior, enquanto que na grande São Paulo houve uma variação de 0,08%. A análise dos dados do nível de emprego no mês de setembro de 2014, em relação ao mês anterior, nas 35 diretorias do Ciesp pesquisadas, apresentou resultado positivo em 7, estável em 3 e negativo em 25 delas.

Homem é preso em flagrante após assaltar farmácia em São Roque

Com suspeito, policiais encontraram uma réplica de arma de fogo.

Comércio fica localizado na rua Sete de Setembro, no Centro.

Do G1 Sorocaba e Jundiaí
Homem é preso em flagrante após assaltar farmácia em São Roque (Foto: Divulgação/Polícia Militar)Homem é preso em flagrante após roubar farmácia
em São Roque (Foto: Divulgação/Polícia Militar)
Um homem de 35 anos foi preso nesta quarta-feira (29), em São Roque (SP), suspeito de roubo a uma farmácia. De acordo com a Polícia Militar, policiais encontraram com o homem uma réplica de arma de fogo, cheques e cerca de R$ 600 em dinheiro.
Ainda conforme a PM, o comércio fica localizado na rua Sete de Setembro, no Centro, mas o homem só foi encontrado na rua Santa Quitéria, a alguns metros do local.
O material recolhido foi apreendido e o homem foi reconhecido pelas vítimas, que estavam na fármacia no momento do roubo. Ele foi preso em flagrante e levado à delegacia de São Roque. Ele deve ser encaminhado à Cadeia Pública de Pilar do Sul (SP).