quinta-feira, 18 de maio de 2017

Como Andrea Neves demitiu chefe da Globo em Minas por reportagem “negativa”

18 de maio de 2017 às 20h18

viomundo
Da Redação
O documentário acima, Liberdade, Essa Palavra, de Marcelo Baêta, é antigo.
Foi uma das primeiras denúncias contra a censura praticada por Aécio Neves à imprensa mineira através de sua irmã, Andrea.
Hoje, que a mídia corporativa “descobriu” que o presidente licenciado do PSDB é corrupto e usa linguagem de mafioso, é importante relembrar o assunto.
O filme trata, por exemplo, da demissão do jornalista Marco Nascimento, que dirigiu a sucursal da TV Globo em Belo Horizonte.
Ele teve um almoço com Andrea Neves no qual ela disse que uma reportagem transmitida pelo Jornal Nacional tinha sido “inoportuna”.
Passou, então, a pressionar a emissora pelo afastamento do jornalista, o que acabou acontecendo.
O ideal é assistir aos 22 minutos do filme, mas para ir direto ao ponto basta avançar até os 6 minutos.
É uma forma de entender porque, hoje, em Belo Horizonte, enquanto Andrea Neves era presa, jornalistas perguntaram a ela se aquela pauta — a da prisão dela — era “boa”, como se vê no vídeo abaixo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário