quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Mairinque 2016: publicidade sobe quase 40%, mas UBS do Vale da Esperança não foi construída



Foto da obra em janeiro de 2016

O Tribunal de Contas do Estado de São Paulo divulgou uma tabela com todos as cidades paulistas com os resultados obtidos em 2016. Divulgamos matéria sobre São Roque e agora vamos falar de Mairinque.
O governo municipal tinha duas ações no orçamento para propaganda e publicidade que chegavam a R$ 134 mil , mas o  governo gastou R$ 188,97 mil, ou seja, quase 40% acima do previsto.
O mesmo empenho não se realizou em outras áreas. a implantação  do centro de convivência do idoso tinha previsto para ser realizado R4 60 mil, mas nenhum centavo foi gasto. Segundo a justificativa apesentada ao Tribunal de Contas:
“As obras ainda não foram iniciadas, pois o convênio teve início em abril de 2013, porém a aprovação e o depósito da primeira parcela ocorreram em maio de 2016. A Prefeitura teve de readequar a planilha orçamentária que superou a contrapartida prevista para este convênio no exercício de 2016”
Já para o convênio do “brasil carinhoso - convenio Fnde”, para creche, com valor previsto de R$ 180 mil, mas só foi gasto R$ 72 , 05 mil, ou seja, não foi aplicado quase R$ 108 mil reais. De acordo com a justificativa apresentada : “O valor do repasse de recursos foi inferior ao inicialmente previsto”. Ou seja, a culpa deve ser do Temer.
E a cobertura da quadra esportiva com previsto de R$ 150 mil  e nenhum centavo gasto.
E a construção da construcao de ubs no Vale da Esperanca com valor previsto de R4 150 ml e nenhum centavo gasto. A justificativa apresentada foi que “o contrato com a empresa venceu e não houve interesse da empresa na renovação. Atraso no processo licitatório de nova empresa”.
Em 2015, ao prefeitura informava que esta obra seria realizada, conforme material do jornal da economia e afirmava que “Com recursos municipais, estaduais e federais, a Prefeitura de Mairinque de início à construção de uma nova Unidade Básica de Saúde (UBS) no Vale da Esperança, bairro localizado na região de Dona Catarina”.( http://jeonline.com.br/noticia/3122/morador-de-mairinque-realiza-abaixo-assinado-por-melhorias-na-cidade)

 Desta forma, fica evidente a ação do governo que poderia ter remanejado recursos para obras importantes para a população, mas preferiu concentrar gastos em propaganda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário